terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Vamos compartilhar!

Hoje queria compartilhar uns pensamentos e aprendizados nesta jornada com Deus!
Terminei de ler o livro de Josué e já comecei o de Juízes! Uau, parece que estes registros não parecem muito práticos, mas na realidade o são e muito!

Resumão: O povo de Israel sob a liderança de Josué entrou na Terra Prometida e tomou quase toda a terra. Fizeram a divisão das terras entre as tribos e cada uma tomou seu rumo. Porém, nem todos os inimigos haviam sido expulsos, exterminados. E ficou dito que cada tribo deveria completar o mandamento que Deus, através de seus servos Josué e Moisés, havia dado!
O final da história é que: nenhuma tribo terminou de cumprir o que havia sido dito! E logo, a geração seguinte daquela que tomou a terra já não conhecia mais a Deus e nem o que Deus havia operado na vida/história daquele povo!
Agora as minhas considerações: estava eu lendo os capítulos 1-2 de Juízes e indignada com o relato! MAS COMO ESSA GENTE NÃO DEU FIM NESTES POVOS! QUE CUSTA OBEDECER!
Na mesma hora me caiu a ficha: como se eu não fizesse igual! IGUALZINHA! Sem tirar nem colocar! Primeiro: que facilidade para julgar os outros. Tudo bem que são de 3 mil anos deste relato, mas mesmo assim, é julgar o outro. Eu não estava lá, eu não era eles, e já estava achando que eram os mais errados do mundo!
Segundo: Se eles não obedeceram em 100% a Deus e também deixaram que a geração seguinte crescesse sem conhecer a Deus, eu faço isso da mesma maneira! Pode ser que não seja como eles que logo começaram a adorar outros deuses e outras práticas pagãs, mas se a Bíblia diz que devo agir/pensar de uma maneira obediente e que agrade a Deus e não estou fazendo, sou igual a qualquer pessoa destes relatos bíblicos que julguei.
Terceiro: Deus sabe onde o nosso coração está! Assim como Ele conhecia o do povo de Israel. Veja em Juízes 3:4 está escrito:
"Estes [os outros povos] ficaram para, por eles, o Senhor pôr Israel à prova, para saber se dariam ouvidos aos mandamentos que havia ordenado a seus pais por intermédio de Moisés."
Outro versículo, I Coríntios 10:13:
"Não vos sobreveio tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças, pelo contrário, juntamente com a tentação, vos proverá livramento, de sorte que a possais suportar."
Com isso, quero concluir que, existem áreas que amo muito na minha vida e que podem estar e algumas estão em completa desobediência a Deus (lembre sempre do conceito de obedecer a Deus é em 100%, não é 85% como foi o caso do povo de Israel neste exemplo). Deus não vai remover em um passe de mágica estas áreas da minha vida, e sim, as deixará ali para obedeçamos e possamos crescer em Cristo e vencê-las como diz o texto de Coríntios. Um item de esperança sobre obedecer determinadas áreas é que: a Bíblia te dará o caminho correto para a obediência verdadeira!
Vamos a alguns exemplos que andei divagando: As vezes você se estressa ou se desintende com alguém, passados uns dias a coisa está "melhor"... no mês seguinte já nem se lembram do assunto. Mas você, no íntimo do seu coração, sabe que deveria ir e conversar sobre o assunto, e no mínimo pedir perdão. Se no íntimo do seu coração você sabe o que Jesus faria no seu lugar e não o faz, está pecando contra o outro. Não diga que é porque o fulaninho também tem seu mau-gênio, merece ouvir umas e outras. Tá errado e pronto, não fica justificando o seu orgulho e vai lá pedir perdão pra pessoa. Você não sabe o resultado da bênção que virá depois! Seja o fulaninho não te perdoando, e Deus te livrando de um falso amigo, ou trazendo vocês para mais intimidade e amizade profunda!
Exemplo 2, este conversei com uma pessoa outro dia: admoestar/julgar... ui assuntinho complexo! Imaginemos cristãos que julgam uns aos outros, ou julgam não cristãos e você só ouvindo! O normal é que você pule fora do círculo dessas pessoas ou junte-se a eles e NÃO FALE NADA, só escuta ("mas eu não disse nada sobre o ciclano")! Se você lembra do conceito básico de Mateus 18:15-20 você deve ir tratar com quem está pecando. Se você não for, e ficar só ouvindo também está errado em não admoestar a pessoa sobre os falsos julgamentos e falta perdão e outros. Não julgar a pessoa já está de bom tamanho, mas também deixar de ajudar o outro que julga e crescerem verdadeiramente em Cristo também está!
Uma coisa que aprendi no curso de Aconselhamento Bíblico que fiz ano passado é: Se a mudança for bíblica, ela trará resultados duradouros! Se não, é só um band-aid em cima de uma ferida aberta!
Mesmo que o assunto possa ser delicado e as vezes pode demorar, a gente nunca sabe o resultado da obediência em 100% até fazermos tudo o que está no nosso alcance de maneira bíblica! Depois lembre, que nós temos que obedecer, e o Espírito de Deus convence a pessoa! Não queira fazer uma parte do serviço que não compete a você!!!
Ai, escrevi um monte... vou lá que quero dar um fim em uns assuntos que estão nos 85% de obediência!
Boa semana! E obrigada por passar por aqui!

Um comentário:

Arione Torres disse...

Oi, sou Arione. Gostei muito do seu blog. Parabéns pelo blog. Estou seguindo. Segue o meu?
http://arionetorres.blogspot.com/
Um abraço...

Postar um comentário