sexta-feira, 22 de julho de 2011

E as ditas vacinas

E a Olívia foi vacinada e deu algumas reacoes... tá aqui toda entupida do nariz, ainda bem que minha irma-médica-querida estava aqui para avaliar a Gorda.

Gente, pra quem me acompanhou com o Lourenco pequeno sabe o quanto odeio vacina!
E com a Olívia foi só para comprovar o meu ódio de vacina.

Enfim, vacinei, tadinha, hoje segunda noite que todo o pessoal que dorme no Master-Bedroom nao dormiu, isso inclui: Petrus, Olivia e eu.

Por favor no terceiro filho, se eu ainda morar em Buenos Aires, alguém me ajude a lembrar de parir no verao, calor, barriga enorme, pés inchados, mas que seja no verao! Para que a cria chegue ao inverno com um pouco mais de corpo, de mais anticorpos de leitinho de mamae, pra evitar pegar bronquiolitis e qq coisinha que passe por perto, de bichos como este a criaturinha tire de letra... inclusive a maldita da vacina! Que por ela ter tido bronquiolitis comeca a ficar mais delicada...

Por favor, alguém quando sentir que estou com muitas ganas de engravidar de novo me lembre de episódios chatos de ter recém-nascido no outono-inverno...

Por uma paricao mais primavera-verao

domingo, 17 de julho de 2011

Enquanto isso...



Nada escapa da minha mirada!

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Panquecas viradas...





Outra semana eu fiz "cueca-virada"... Lanche típico da minha infância na casa da minha vó.

Como me deu saudades da vó Celina! Hoje liguei pra ela... que coisa, as vezes a distância é um saco! Queria levar as crianças na casa dela pra brincar no gramado da frente domingo a tarde, como eu brinquei muitas e muitas vezes!



Mas daí fiz as "cuecas viradas" que depois viraram "panquecas viradas" pelo Mestre-dos-Porquês.



Receitinha, rápida e fácil para o final da tarde com café com leite ou chá! Eu ainda acrescentei una cucharada de dulce de leche quando comi as minhas "cuecas"!


Receita Cueca-Virada!


3 ovos
3 colheres de açúcar
2 colheres de margarina
1 colher de pinga (não tinha, usei vinagre de alcool)
1 pitada de canela
1/2 copo de leite morno
1 colher de fermento "royal"
Farinha de trigo
Óleo para fritar


1.Colocar a fermento no leite morno
2.Colocar todos os ingrediente em uma tigela e acrescentar o fermento com o leite
3.Misturar farinha de trigo até a consistência da massa, "a pinga é para que fique mais seca sem muita gordura"
4.Esticar a massa, e recortar em retângulos, fazer um pequeno corte no centro e virar a ponta por dentro do buraco
5.Depois de cortá-lo é só fritar
6.Polvilhe açúcar e canela

domingo, 10 de julho de 2011

Esse Lourenço

Cadeira nova para carro, para quando ficar maior... mas qdo chegou em casa era cadeira pra cá, cadeira pra lá, ora era avião, ora trem, ora sofá! As botas de chuva, não importa se é calor ou frio... na semana que cisma que quer usar, não tem quem convensa tirar! O eterno companheiro do Lourenço: au-au (antigo Mr. Casper)... já está com o pescoço fininho de ser lançado pra todos os lados!

Lourenço anda com energia saindo pelas orelhas!


Pensei que era só o pobre coitado que andou de molho como todos da casa, mas uma pessoa me comentou que a filha da mesma idade está igual! Fala até deixar zonzo e não pára um segundo!


Este gurizinho é muito esperto, agora ele anda numa fase de ALTAS imaginações. Cada hora ele é um personagem, ou eu tenho que ser um personagem.


Os preferidos: Larry-boy (Larry dos Veggietales), Spiderman, Márcia (minha cunhada), Gabriel (meu sobrinho), mono (qualquer macaco), ou titia ou titio (aquele pessoal que pega bolinha em jogo de tênis, ou então o médico que atende o tenista qdo se machuca), ou Nico (amiguinho que foi embora). E assim vai... Se o personagem é do agrado dele... já entra na lista do dia.


- Spiderman eu não quero mais comer! (essa eu ouço todo santo dia)
- Bom dia Spiderman! (qdo ganha mamadeira pela manhã!)
- Não mono, muito obrigado!


E assim vai essa criatividade natural dele. Não é lindo?

Esta semana vamos levá-lo outra vez no cinema! Para ver Cars 2... quem será o próximo personagem a ser incorporado nesta vasta criatividade!

++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++


Mudando de saco para máquina de costura!


Finalmente depois de uns 3 meses que estou para terminar o pijama de "homem grande" do Lourenço... eis que terminei! ufa


Ficou um charme, não!?


Que tal este sorriso Caras?

sábado, 9 de julho de 2011

E o frio deu uma trégua!

E nós saímos para dar uma voltinha na praça!

Depois de 2 semanas trancados em casa, por causa da Olívia que estava se restabelecendo completamente, porque eu também peguei um resfriado, e, por causa do frio de rachar o cocô que estava aqui, com mínimas de -5 C e máximas de 5-7 graus. Como estava frio esta semana!!!!

Hoje a mínima é de 7 C e a máxima de 18 C... bem melhor!


Como é maravilhoso ver minha filha melhor! E ganhando peso novamente, crescendo! Glórias a Jesus que cuida dessa pequena!


Enjoy the pics!







Não estão divinos!? Amo vocês dois, meus gordinhos!


Contagem regressiva para ir ao Brasil (estaremos em SP para o Congresso de Aconselhamento Bíblico), e para a chegada das tias Guga e Sami!! Não é nada fácil ajudar uma criança de 3 anos compreender o tempo!


Faceiro da vida na praça! E eu também, só por vê-lo feliz!




- Eu também fui na praça! Cheia de roupa, mas fui. Comi, dormi e dei uma olhadinha por aí!

Bom findi a todos!! Caro e cia.

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Que vírus é esse?

Eis que hoje abro o jornal e me deparo com esta notícia, justo o vírus que Olívia pegou, Sincicial.
Semana passada quando o médico veio em casa revisar a Olívia, nos comentou que este vírus está fazendo um estrago nas crianças pequenas! Hoje temos revisão da pequena, apenas para acompanhamento... tenho até medo de ir no consultório médico! Mas vamos lá!

Vírus Sincicial, o vírus que mais anda circulando nesta temporada

Fonte: Fabiola Czubaj, Diário La Nación, publicação 06/07/2011, pg, 12
Tradução livre: Caroline Dai Prá

Como puderam testemunhar muitos pais de bebês e crianças pequenas, alguns hospitais estiveram lotados nos últimos dois meses. Sem leitos disponíveis para receber mais pacientes com doenças respiratórias típicas do período de inverno, em especial bronquiolitis causadas pelo vírus sincicial respiratório (VSR).
Foram tomadas mais de 23.300 mostras durante 3 semanas com sintomas suspeitosos, este vírus voltou a instalar-se mais fortemente depois da temporada pandêmica do vírus H1N1. No placar das doenças respiratórias seguem, um pouco mais longe, o da parainfluenza e o adenovírus.
Os 3 são os maiores responsáveis por mais de 90% dos casos de doenças respiratórias e somente o VSR está provocando 8 entre 10 infecções respiratórias em crianças menores de 5 anos, e 55,3% das infecções entre 5 e 64 anos, segundo os dados apresentados pelo Ministério de Saúde durante o II Simpósio Internacional de Imunizações.
"Este é um ano particularmente intenso para o VSR. Durante o último mês gerou muito trabalho nos hospitais", comentou para La Nación o Dr. Fernando Polack, infectólogo reconhecido por seus estudos sobre este vírus e diretor da Fundação Infant. "O que acontece é que a cada 4 anos a população fica exposta a um surto maior deste vírus, porque a imunidade natural de cada um começa a baixar. Então, ao diminuir as defesas que as mães passam para seus bebês através da placenta, nascem mais bebês muito mais suscetíveis a estes vírus", acrescentou.
Os anos mais complicados foram 2003 e 2007. "O VSR produz uma enfermidade mais grave nos menores de 2 anos e em crianças que provém de lares carentes e de qualidade de vidas que ainda não compreendemos." Desde primeiro de maio uma equipe da Fundación Infant realizou um estudo com 600 crianças. "Não há uma vacina, nem vamos tê-la em um período de 5 a 10 anos, disse. O que os pais devem ter em mente é que este vírus infecta 50% dos menores de 1 ano e a todos de 2 anos. É inevitável"
Mas o que se pode fazer, além de manter as medidas de higiene para prevenir as infecções respiratórias (lavar as mãos, ventilar os ambientes e cobrir a boca com o braço ao espirrar ou tossir) é adotar outras duas medidas estratégicas para controlar este enfermidade: amamentar o bebê e não fumar. "A amamentação reduz a gravidade da bronquiolitis", explico Polack, e a fumaça do cigarro causa danos ao desenvolvimento pulmonar fetal.
O VSR se contagia por espirros, tosse, mucos, os beijos e lágrimas. A bronquiolitis provoca tosse, mucos, catarro, febre, problemas para respirar (com o afundamento do tórax e ruidos no peito), mudança na cor dos lábios e da pele, dificuldade para comer e dormir.
Quanto ao controle dos demais vírus circulantes, em especial ao da gripe, os mais frágeis sempre são os grupos de risco: pessoas com enfermedades crônicas, imunossuprimidos, gestantes, menores de 2 anos e maiores de 65 anos.
"A cobertura de vacinação contra a gripe e pneumonia no país é de 77%", informou a Dra. Carla Vizzotti, coordenadora do Programa Nacional de Imunizações. Isso também inclui 85% do pessoal de saúde, mais de 65% das gestantes, 65% de maiores de 65 anos e 55% das crianças. "Os grupos de risco, ainda estão em tempo para vacinar-se, já que a circulação do vírus deve ir até setembro ou outubro", informou Vizzotti.
O vice-ministrode Saúde, Sr. Máximo Diosque disse: "Além de que esta é uma época que sempre estamos com hospitais lotados, estamos dentro dos limítes de segurança. Não há sinais de alarme, mas pedimos a população de risco que vá aos hospitais para vacinar-se".

Destino de maio a setembro de 2012: Fortaleza/Ceará!