segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Viagem a Patagônia - Parte 2

E chegamos no nosso destino.

Devidamente trajados para brincar na neve.

- Que tal meus óculos?

Muito louco chegar numa cidade, com neve por todo canto!

Aqui para ter uma idéia da quantidade de neve que havia caído umas 3 semanas antes de chegarmos.

Veículo-Oruga (não sei se tem um nome em português) - íamos fazer um passeio neste veículo, mas foi cancelado. Fica pra próxima vez.

Ficamos 5 dias. Brincamos na neve, de "culopatins" (um trenó de bumbum), fizemos um pequeno passeio de trenó puxado por cachorros. A neve não foi exatamente amor a primeira vista do Lourenço. Quando ele estava, finalmente, se acostumando em caminhar na neve, brincar de neve, a gente foi embora. Mas acho que o ano que vem, se formos de novo, ele deve curtir mais e chorar menos.

Um pouco da vista da cidade.


Pista mais radical do culopatins... Depois de umas descidas mais radicais, fomos para uma descidinha que rendeu boas risadas com o pequeno!



Neste dia, o Lourenço já estava um pouco mais amigo da neve e se divertiu fazendo bolinhas de neve!



Nosso único habilitado a esquiar era o Petrus! Então ele teve a oportunidade de ver a cidade sobre outra perspectiva, além de aprender a esquiar, mas esqueceu de levar a máquina pra registrar estes momentos.





Base da estação de esqui.

Tradicional boneco de neve!


A dona do boneco ofereceu sua criação para uma foto, e o Lourenço optou por tirar uma foto com a menina!

Esta foto não dá pra entender direito, mas é o seguinte: uma vez por semana acontece uma descida de esquiadores do topo da montanha com tochas de fogo. Eles vão descendo aquela montanha e só aparece as tochinhas. E pode ir qualquer pessoa que eles emprestam os equipamentos e não cobram nada para subir até o topo. É bem legal, foi justo na nossa última noite!


Tchau Caviahue, foi muito lindo te conhecer!

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Viagem a Patagônia - Parte 1

Entre alguns destinos que todos querem conhecer na Argentina, um deles com certeza é a Patagônia, pela neve, ski, lagos andinos, cordilheira dos Andes, em especial entre turistas brasileiros. Para nós, recém-chegados aqui, também era uma das nossas escolhas de turismo nas pequenas férias do Petrus.

Preparem-se, meu momento Forest Gump, o contador de histórias começou!

Já havia postado anteriormente que cruzamos 4 estados diferentes para chegar em uma cidadezinha que se chama Caviahue-Copahue. Caviahue está aberta o ano todo, pois está a mais ou menos 1647m. Copahue é um pouco mais alto na cordilheira e permanece fechada durante o inverno, pois a neve atinge 7 metros de altura e deixa a cidade inteira só com os telhados de fora, louco né. Junto a estas cidades está o único vulcão ativo da Argentina, que se chama Vulcão Copahue, que está uns 2700m. Também possui águas termais e lama vulcânica termal.

Em geral, turistas brasileiros vão para Bariloche (Río Negro), San Martíns de los Andes e Junín de los Andes (ambas Neuquén), todas cidades a uns 200-400km o sul de Caviahue. Nós escolhemos Caviahue primeiro por indicação de uma pessoa, depois porque é um destino menos explorado que Bariloche, e consequentemente mais barato. E nos contaram que a região era muito bonita.

Durante nosso cruze pela Argentina passamos por todos os tipos de vegetação. É muito interessante como a Argentina é diferente do Brasil. Enquanto no Brasil abunda o verde, florestas, plantações, serras, aqui as cores são outras, e alturas também. Quase tudo é plano, tirando a parte da Cordilheira, óbvio.

Pela província de Buenos Aires podemos ver o grande potencial agrícola da Argentina. Saindo de Buenos Aires, praticamente tudo é fazenda. Eu não tirei foto pq estava dormindo o sono dos justos! hehehehe

Entrando na província de La Pampa, vemos uma cópia do Sul do RS e do Uruguay, um campo plano, poucas árvores e muito, muito gado. Para quem não sabe, a população de gado na Argentina é maior que a de pessoas. Os carnívoros da casa agradecem.

La Pampa - só faltou as vacas na foto!

Momento Lourenço avistando o gado:
- Filho, olha quanta vaquinha!
- Hum, carrrrrrne!

Cruzamos um pedacinho da província de Río Negro, onde já inicia o deserto patagônico. E aqui começa o nada! Quando eu falo nada, é nada. Um matinho no campo e muitos kms sem avistar nada além de umas macumbas na estrada, a auto-estrada e o nada propriamente dito. Se olha para o horizonte, aquele retão sem fim.


O nada!

O nada com água!

Finalmente entramos na província de Neuquén, onde estava o nosso destino final. Aqui também é um desertão. Mas de vez enquando apareciam kms de picaretas de extração de petróleo e gás natural. Que é de encher o orgulho brasileiro, já que a YPF, refinaria argentina, vendeu uma boa parte de suas ações para a Petrobrás. E toda a tecnologia de extração de gás natural e petróleo é brasileira! UHU!
Muitos kms com picaretas de extração.

E de repente, o cenário começa a mudar, e vc vê aquela Cordilheira nascendo, com os picos cheios de neve! E do nada a paisagem vai mudando, ficando mais branquinha, o frio aparece. Eu acho a Cordilheira meio mágica. É muito grande, muito extensa. Deve ter muitas histórias, fico imaginando os povos que já cruzaram aqui, que vivem aqui, os barulhos, como são as estações do ano. Esta coisa louca de vulcão, neve, nevasca.




Durante toda a nossa travessia por estas províncias, quando observava as mudanças, e depois quando tu estás de frente pra Cordilheira, todas as cores, cada monte, cada riacho, tudo que estava em volta de nós. Me lembrei do seguinte versículo:

"Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis." Romanos 1:20.

A natureza fala do seu Criador! Ela mostra o quanto Deus é criativo, lindo, que cada lugar na terra tem a sua beleza especial. Me lembrei de vários lugares que ainda queremos conhecer e tudo, tudo foi Deus quem criou! Me lembrei também que toda esta criativadade de Deus, foi "desenhada" em apenas 6 dias! Pare e pense em todas as belezas naturais! Todas, sem exceção, Deus criou em 6 dias! Sem falar nos bichinhos e nós, que somos o ponto mais alto e importante da criação de Deus! É muito bom conhecer e reconhecer Deus em todas as coisas. Lindo d+.

Continua.

domingo, 12 de setembro de 2010

De volta pra casa!

Villa Caviahue - Neuquén - Patagônia Argentina.
Depois de 3.400 km chegamos em casa.
Cruzamos 4 estados diferentes.
Nos próximos dias conto como foi nossa viagem ao Norte da Patagônia. Nossa primeira viagem super longa com o Lourenço, de carro.

sábado, 4 de setembro de 2010

O que está na minha máquina: roupas para cachorro

Gostaria de compartilhar 2 roupinhas super fáceis e rápidas pra fazer para o seu cachorrinho! Cada uma não levou mais que 20 min para aprontar. Agora mãos a obra que seu pet merece ficar quentinho!

ROUPINHA # 1

O que vais precisar:
- tecido para o tamanho do teu cachorro
- velcro




ROUPINHA # 2

Lourenço ganhou umas camisetas promocionais da Pamper´s. Olhei e pensei: Lourenço não vai usar justo esta camiseta. Mas a Mafa sim!

Outra roupinha super fácil.

O que vais precisar:

- camiseta promocional que seu filho não vai usar
- +/- 20 cm elástico de 1,5cm

Veja o antes e depois!

ANTES>>>>

DEPOIS>>>>

E nossa super modelo, quentinha e fofa!



Agora vou lá, já é 16:30 e eu ainda não arrumei a mala de ninguém para as nossas férias! Se alguém fizesse a minha mala eu seria eternamente grata, essa não é a minha melhor performance... fui. Nos vemos semana que vem com fotos e infos da nossa viagem de férias. Estamos indo para este lugar lindo ó.





Beijos e até a volta!!

Artes plásticas de Lourenço!

Esta semana fomos agraciados com 1 semana inteira de chuva!

Neste momento todos os neurônios pensando em coisas criativas pra fazer em casa com o Lourenço cheio de energia!

Uma tarde brincamos de artes plásticas. Só tenho pra dizer que o Lourenço amou o "trem".

O que vais precisar:

- meia caixa de ovo cortada
- tintas (eu uso esta a dedo, pq se vai pele, não tem problema)
- pincel
- um paninho velho
- uma camiseta pra vestir ou avental
- eu fiz um forrinho de sacola de supermercado na mesa, depois foi só arrancar e jogar fora! Trabalho ZERO.






quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Momento turistas!

Passeios do último final de semana.

DELTA DEL TIGRE! Sábado

Pegamos o "barco colectivo" e descemos em um "ponto de barco" e fomos até a casa de rio da família de amigos que fizemos aqui. Quando se vem a passeio, não se conhece o Delta do Tigre das pessoas que vivem aqui. Este é o nosso terceiro passeio no delta, e todas as vezes é encantador!


No barco colectivo, sim, é uma linha regular de barcos como ônibus, trem, metrô!


Local do nosso pic-nic, num dos canais do Delta.

Assador e ajudante! O Lourenço amou ajudar o Petrus com o fogo! Que criança não gosta!?

Crianças! Pic-nic não tem graça se não tiver risadas, gritos de crianças, bola rolando e porcarias para comer! Juan, Josefina, Lourenço e Ricardo.

Lindos!
Primeira foto do nosso "quarteto".


Momento pai e filho, meus guris!

Crianças pescando no delta!

Caminho pela ilha!


Deu vontade de pedir carona e sair remando!



PASSEIOS NA CIDADE! - domingo

Alugamos bicicletas no fim da tarde de domingo e fomos dar umas voltas por Palermo.




E depois passamos na Easy para buscar alguns acessórios de carro para a nossa viagem de férias semana que vem!



Para não ficar chato no carrinho, experimentando várias coisas! Lindos óculos Fernandinho!